Header Ads

ADTV - Morre chinesa de 2 anos duplamente atropelada e ignorada pelos transeuntes

ADTV informa: As imagens do vídeo são fortes.

Menina chinesa duplamente atropelada e ignorada pelos transeuntes morreu hoje, mais de uma semana depois do acidente que escandalizou a opinião pública.

Wang Weue, menina chinesa de apenas dois anos, morreu hoje no hospital militar de Guangzhou, na China, mais de uma semana depois de ter sido atropelada por dois veículos num mercado em Foshan.

No dia do trágico acidente, cerca de uma dúzia de pessoas passou por Wang Weue, carinhosamente apelidada de Yue Yue, enquanto jazia ensanguentada no chão do mercado. Durante sete minutos a bebé foi ignorada pelos transeuntes, sendo resgatada por uma mulher que passava e tentou colocá-la em local seguro, após o que também seguiu o seu rumo.

Uma câmara de vídeo registou todas as imagens e este caso, que chegou às televisões, levantou vozes de indignação por toda a China e nas redes sociais, dando mesmo origem à campanha online "Parem a apatia".

Moralidade chinesa posta em causa

As câmaras de vigilância vídeo existentes no mercado mostram claramente o duplo atropelamento de Wang Weue e o filme percorreu os meios de comunicação e as redes sociais na China e no resto do mundo. Na rede chinesa Weibo, equivalente ao Twitter, o tópico gerou mais de 4,5 milhões de posts e foi a história número um da semana.

O debate centra-se, sobretudo, no ponto em que se encontra a moralidade chinesa nos dias que correm. O individualismo, a indiferença e a passividade são cada vez mais comuns nas grandes metrópoles, especialmente nas sociedades em constante evolução.

A atitude dos transeuntes que ignoraram a menina desencadeou a campanha online "Parem a apatia", mobilizada na Internet pelos cidadãos chineses que apelam a uma mudança de atitude e a uma maior consciência moral daquela sociedade oriental.

Medo imposto aos bons samaritanos

A verdade é que orientações recentes por parte no Ministério da Saúde chinês aconselham os cidadãos a avaliarem corretamente as circunstâncias antes de se precipitarem na ajuda de alguém em aparente necessidade, salientando que medidas de auxílio inadequadas podem aumentar ou piorar as mazelas.

Num caso noticiado em 2006, uma idosa que caiu na cidade chinesa de Nanjing acabou por processar um condutor de autocarros que parou para a ajudar, acusando-o de a ter empurrado e exigindo-lhe uma compensação monetária. As gravações das câmaras de segurança mostraram posteriormente que o motorista estava inocente.

Situações como esta e muitas outras têm desmotivado o lado solidário dos cidadãos chineses. Em setembro deste ano, nas ruas da província de Hubei, um homem de 88 anos teve uma hemorragia no nariz que não conseguiu estancar, acabando por morrer sufocado. Só foi levado para o hospital 90 minutos depois do colapso, quando os familiares chegaram ao local onde até então todos os transeuntes o ignoraram.

Leis inadequadas que não protegem os bons samaritanos e os custos elevados na área da saúde têm também sido apontados como motivos para a indiferença e individualismo. Muitos chineses têm medo de acabar a pagar indemnizações ou contas de hospital.

Num questionário online realizado pela estação televisiva chinesa Phoenix Television , menos de 7% dos 20 mil inquiridos responderam que parariam para ajudar alguém. Mais de 45% afirmaram não estar disponíveis para qualquer tipo de ajuda enquanto 43% ajudariam apenas se existissem câmaras de vigilância por perto.

Mulher que ajudou a menina é uma heroína

Entretanto, o Governo da província de Guangdong ofereceu a Chen Xianmei, a mulher de 56 anos que retirou a menina chinesa do meio da estrada, a quantia 20 mil yuans (cerca de 2300 euros) pela ajuda prestada. "A Chen representa o que de melhor há na natureza humana", referiu a mãe de Wang Weue.

Vários donativos e contribuições já estão a ser recolhidos para ajudar a família da menina. Segundo os meios de comunicação chineses, os dois condutores que a atropelaram já foram detidos pelas autoridades.

6 comentários:

  1. onde vai parar essa sociedade,DEUS AINDA TEM MISERICORDIA

    ResponderExcluir
  2. Meu DEUS do céu, QUE ABSURDO! ate perdi as pelavras vendo essas imagens...!

    ResponderExcluir
  3. Eu sei que na China eles dao mais valor para filhos homens mais fazer isso com uma chinezinha e desumano coitadinha se retorcendo no chao e uma criança nao um pedaço de pano

    ResponderExcluir
  4. Meu Deus,tbm não posso deixar de comentar...que desumanidade!Custo-me a acreditar que isso seja verdade,nem com um cachorro se faria isso...como pode uma coisa dessas...sei que no Brasil é muito violento mas ainda temos sentimentos...e espero que esse espírito de solidariedade entre a gente não se acabe nunca...nem tenho coragem de ver essa reportagem novamente!

    ResponderExcluir
  5. sociedades em constante evolução?????????
    onde esta a evolução desta sociedade mediocre???

    ResponderExcluir
  6. Difícil não controlar a emoção e ir as lágrimas, onde já se viu acontecer isso com uma criança e ninguém fazer nada; seria mesmo o caso das confusões anteriores e da companha do governo em não se ajudar pessoas em situação de risco? Ou seria o caso de um País de ideologia Comunista(errônea) onde a mulher é totalmente desvalorizada? Lembrem que na China, a mulher não tem importância alguma assim como no Japão(onde o papel da mulher é de total submissão). Talvez eles tenham visto a gravidade mas por se tratar de uma garotinha ninguém se interessou em ajudar.
    Lembrem também que lá neste País onde é rico em cultura e pobre em Solidariedade e Amor ao Próximo, que comercializam bizarrices culinárias como fetos humanos em mercados lacrados em recipientes de vidro para consumo.
    Acho que se podemos fazer algo é orar e interceder por um País desse, porque na minha opinião um País desse esta muito longe da graça de Deus

    ResponderExcluir

Olá! Seja muito bem-vindo, nós já sabíamos, que você iria registrar seu comentário nesta informação. Para interagir é fácil. Redija seu comentário, em seguida marque uma das opções da caixa comentar como. Coloque seus dados eletrônicos, mas atenção nada de caracteres especiais (@, _ etc). Ok. Preencha os caracteres de verificação de pessoas reais, e aguarde nossa apuração.

Sua opinião é muito importante para a construção da sabedoria humana.

Atenciosamente - Editores Audiência de TV

Tecnologia do Blogger.