sábado, 7 de janeiro de 2012

Record precisa dar à Olimpíada o prestígio que ela merece

Flávio Ricco
Colunista do UOL* 

Este 2012 será um ano muito importante para a Record, porque será dela – na TV aberta – a exclusividade da transmissão dos Jogos Olímpicos na metade do ano.

Do ponto de vista da audiência o sucesso do trabalho também vai depender quase que diretamente do desempenho dos atletas brasileiros que lá estarão competindo. É um título, por exemplo, que o nosso futebol nunca alcançou. Este, indiscutivelmente, já se apresenta como um dos maiores atrativos.

Mas caberá à Record, através de todas as ações necessárias para a cobertura de um evento deste porte, dar a ele o prestígio merecido e não repetir as falhas cometidas no último Pan-Americano.

Tudo estará relacionado a um conjunto de providências que desde já devem ser colocadas em prática - e isto inclui reforçar convenientemente a sua equipe de esportes, que tanto deixou a desejar em Guadalajara.

0 CLIQUE AQUI E COMENTE !:

Postar um comentário

Olá! Seja muito bem-vindo, nós já sabíamos, que você iria registrar seu comentário nesta informação. Para interagir é fácil. Redija seu comentário, em seguida marque uma das opções da caixa comentar como. Coloque seus dados eletrônicos, mas atenção nada de caracteres especiais (@, _ etc). Ok. Preencha os caracteres de verificação de pessoas reais, e aguarde nossa apuração.

Sua opinião é muito importante para a construção da sabedoria humana.

Atenciosamente - Editores Audiência de TV